Um pouquinho de Londres

Mês passado meu marido e eu viajamos para Londres. Ficamos quase quatro dias por lá, tempo suficiente para ter apenas uma noção do que é a capital inglesa. Aquilo sim é uma verdadeira megalópole! Dá até pra sentir como seria  ter o superpoder da invisibilidade, porque até os tipos mais exóticos passam despercebidos. Antes de viajarmos eu procurei informações aqui na Internet e encontrei muitas dicas úteis, por isso decidi deixar também a minha humilde contribuição.

Escolhemos o Aeroporto de Gatwick por ser menor e ter fama de mais organizado. O Gatwick Express sai de lá a cada 15 minutos para a  estação Victoria no centro da cidade. O percurso dura cerca de 30 minutos. Ganha desconto quem compra o bilhete de ida e volta, que sai por um total de 28 libras por pessoa.

Se hospedar em Londres não é barato, mas existem opções mais acessíveis como os Easy hotels e os Bed & Breakfast. Ficamos no Cophetorne  Tara Hotel em Kensington, que oferece boas acomodações e serviços por um bom preço, mas é melhor não incluir o café da manha na reserva, ele deixou um pouco a desejar.

Quem vai passar poucos dias a opção de locomoção mais barata é o Oyster Card. Ele dá um desconto de mais de 50% nas tarifas dos transportes urbanos. Basta pagar uma taxa de 3 libras, carregá-lo com quantia que desejar, via cartão de crédito ou dinheiro, e ele já esta pronto pra usar. No final da viagem é só entregá-lo em qualquer guichê das estações de trem, que eles devolvem as 3 libras e o valor que não foi gasto. O dinheiro é ressarcido de acordo com a forma de  pagamento.

No primeiro dia pegamos um desses ônibus de turismo. Eles passam pelas principais atrações da cidade  e o ticket é válido pelo dia todo, além de oferecer um passeio de barco grátis pelo rio Tâmisa. As pessoas podem parar nos locais que desejam, visitá-los com tranquilidade, em seguida pegar um outro ônibus e conhecer os outros pontos turísticos. O valor por pessoa é de 25 libras, mas vi muita gente conseguir menor preço depois de pechinchar. A única empresa que tem guia gravado em português (de Portugal) é a Big Bus.

Visitamos algumas das principais atrações de Londres:

O Big Ben

O Big Ben

As Casas do Parlamento

As Casas do Parlamento

Catedral de São Paulo

Catedral de São Paulo
A Ponte da Torre

A Ponte da Torre

Abadia de Westminster

Abadia de Westminster

Com Spielberg no Madame Tussauds

Com Spielberg no Madame Tussauds

No London Eye

No London Eye

Máscara Asteca - Museu Britânico

Máscara Asteca - Museu Britânico

A Torre de Londres é cheia de história, algumas bem macabras. Em uma de suas torres vimos a exposição de armaduras de Enrique VIII e as jóias da coroa britânica. Fiquei impressionada com tamanha riqueza, nem na França vi  algo tão imponente.  Assistir a minissérie The Tudors me fez sentir mais próxima dos fatos acorridos naquele local.

Torre de Londres

Torre de Londres
Torre de Londres

Torre de Londres

Quando visitamos o palácio de Bukingham vimos alguns membros da família real passarem de carro escoltados por guardas. Visitamos a Galeria da Rainha com jóias, móveis e obras de arte.

Carro da familia real inglesa

Carro da familia real inglesa

Visitamos ainda o Marble Arch; o Convent Garden e a “feirinha meio que hippie”; a feira de Portobello em Nothing Hill; o Saint James, Kensigton e Hyde parques e o charmoso bairro do Soho.

As filas em frente aos pontos turísticos são quilométricas. Para evitá-las  compramos  algumas entradas pela internet e de quebra ganhamos descontos. Muitos sites oferecem pacotes promocionais, em que os descontos variam de acordo com a quantidade de atrações a visitar.  Tem também a promoção 2FOR1, pela qual duas pessoas podem aproveitar atrações turísticas, teatros, restaurantes e museus pelo valor de uma. Outra boa opção é o London Pass. Em muitos museus, a exemplo do Museu Britânico e da Galeria Nacional,  a entrada é gratuita para as exposições fixas. Queríamos muito ver O Fantasma da Ópera, mas como não compramos com antecedência não conseguimos ingressos.

Comer em Londres não sai caro, com 10-15 libras dá pra encontrar algo legal. O prato característico do país é o fish and chips – peixe com batatas fritas e molho. Adoramos a comida do Bella Itallia e do indiano Masala Zone. Para um lanchinho a rede Starbucks é uma boa pedida, tudo deles é muito gostoso. Os sucos então são uma delícia!

Fish n chips

Fish ‘n’ chips

Falando em compras, as lojas de marcas mais consagradas estão na Regent Street e outras mais acessíveis na Oxford Street. Nessa última tem uma Primark – loja de moda com preços mais que populares, e uma outlet da Sports Direct – store de roupas, calçados e acessórios esportivos. Os perfumes da The Perfum Shop são mais em conta do que os do Duty Free local. O estilo londrino de atrair clientes é literalmente um show àparte. Em 3 das lojas que visitei tinham bandas tocando lá dentro.

Londres é linda, cheia de atrações turísticas e culturais. Como fomos na primavera as flores estavam por toda parte, inclusive na decoração das ruas. Adoramos nossa estada por lá, mas gostaríamos de ter ficado mais dias para visitar a casa de Charles Darwin e a de Benjamin Franklin, o museu da Ciência e o de Freud, o castelo de Windsor, o Shakespeare’s Globe e tantos outros lugares. Ao menos temos uma boa desculpa para voltar lá.

Anúncios

13 Comentários

Arquivado em Por Aí

13 Respostas para “Um pouquinho de Londres

  1. Rosangela

    Ai, que coisa mais linda! Não vejo a hora de chegar a minha vez de conhecer a Inglaterra. Ô sonho demorado, viu? Se eu não for pela Pós, irei por conta própria mesmo.

    Adorei tudo, as dicas e as fotos principalmente 🙂

    Bjo!

  2. Ah, por falar em Starbucks… menina, a coisa aqui é tão séria, que abriu UM starbucks aqui, num shopping perto daqui de casa, mas… só vive vazio, porque as pessoas acham caro dar 4,00 euros num café. kkkkkkkkk. Eu, sinceramente, nunca fui. Só fui a um em Madri, uma vez, porque pagaram para mim. kkkkkkk. Sou mesmo pobre… ai, ai…

    • Realmente 4 euros por um café é muito caro. Eu não daria! Pelo jeito o dai tah mais caro que o de Londres, meu marido pagou bemmm menos por um. E segundo ele, valeu a pena porque o café de lah é muito bom. Como eu não gosto de café, soh provei dos sucos que, apesar de serem pre-made, são muito gostosos. Tem um antioxidante com kiwi… que é uma delicia.

      Bjss

  3. Pelo amor de Deus, 10 a 15 libras para um português, ou metido a, sai imensamente caro!!! Comer na França e em Londres… somente no Mac Donalds e olhe lá, se não tiver de fazer uma compra no supermercado e ir se virando pelo meio da rua.
    Londres será meu próximo porto, mas… é Bad & Breakfast messsssssssmo, ou albergue da juventude, minha santa. As coisas nas terras lusas são mesmo fuleiras, kkkkkkkkkk. Bjs.

    • Eita mulher segura! Têm locais mais baratos para comer Sandra. Com este valor dah para comer um bom prato com bebida inclusa e num restaurante melhorzinho. Achei a comida lah mais barata que em Paris, por exemplo. Em relação aos preços de Copenhage, esse valor ta bem em conta. Tudo aqui é pela hora da morte!

      Sobre a estada, os Easy hotels são os mais baratos que achei, até mais do que os Bed & Breakfast.Bjão

  4. fabiana

    veronica adorei as fotos, londres é mesmo d+. gostei da suas dicas de estadia, alimentacao… um abraco.

  5. AURENICE

    OI AMIGA,VÇ MEREÇE ESTA VIAGEM,POIS VÇ É MUITO SABÍA!E TEM MESMO QUE APROVEITAR TD ESTA INTELIGENCIA QUE DEUS TE DEU!E POR ISSO QUE SEMPRE TE ADIMIRO CADA VEZ MAIS,NAO TEM MEDO DE NADA,SEMPRE VAI A LUTA !CONSEGUE O QUE QUER.SEI QUE JAMAIS VAI ACONTEÇER ISTO NA MINHA VIDA…..MAS ME CONSOLA EM SABER QUE VÇ ESTÁ USUFRUINDO DESTAS MARAVILHAS.TE AMAMOS.

  6. Sandra Malta

    Olá a Todos,

    Parabens pelo blog, e realmente Londres parece lindissima. Vou lá no final de ano 2009/2010, e vou ficar 6 dias.

    Podes dar-me algumas dicas de como comprar pacotes de momumentos a visitar, tal como Museu de cera, london Eye e Aquele outro de terror????
    Obrigado

  7. mue sonho era in para iglaterra minha prima foi quasse qui eu mato ela di tanta rraiva so qui eu sigurei minhas feraskkkkkkkkkkkkkk

  8. Pingback: Os números de 2010 |

  9. laiza

    Mundo legal, futuramente tambem pretendo da um tuorr por londres

  10. mto legal, tenho um amigo q mora em londres e me convidou p passar ferias lá. só nao sei c irei em dezembro ou em julho. deve ser maravihoso!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s